sinalização em Israel

 

Eh impossível falar do transito em Israel sem mencionar os conflitos políticos na região e os territórios ocupados pelo Estado Judeu, o que interfere na locomoção de turistas, israelenses e principalmente palestinos, que precisam de uma autorização para cruzar as fronteiras com o estado isrealense.

A Palestina permanece sob ocupação militar por nao ser reconhecida por Israel. O resultado desse conflito, para quem dirige e quer visitar cidades como Belém, por exemplo, é ter que entrar e sair do país quase que costurando, passando por varios check points, com soldados armados checando seus documentos.  Ver os muros que dividem os estados, é se deparar com uma das imagens mais tristes na viagem.

Se o assunto é estrutura, nao há o que contestar. Israel tem todas suas estradas pavimentadas[ e um sistema de transporte eficiente e moderno. Em um país  onde as distâncias sao curtas, carros, ônibus e caminhões são os principais meios de transporte. As estradas por lá tem sido ampliadas para acomodar o crescimento do número de veículos, que ainda é relativamente baixo comparado a outros paises desenvolvidos. Ainda assim o trânsito em grandes cidades fica complicado na hora do rush. Como o pais nao produz automóveis, a frota não é tao nova e eu vi carros de todas as marcas, principalmente da VW e Hundai que lideram porque oferecem menor custo para os israelenses.

O país que é referencia no mundo em tecnologia, impressiona quando o assunto eh monitoramento e segurança. Aliás eu nunca vi uma cidade tao vigiada como Jerusalém, assim como as rodovias por onde passei, sendo praticamente impossível driblar as rigidas leis de trânsito.

Dicas

Para cruzar as fronteiras sem problemas, todo carro, alugado ou não, precisa ser de placa de Israel, e o turista jamais pode esquecer o passporte. Embora seja seguro dirigir no pais, nao da pra dizer que eh uma experiencia 100% tranquila, com tantos muros, fronteiras e esse ambiente de tensao que paira no ar, mesmo para o turista mais desavisado, porque distraido nao da pra ficar…